Peritos realizam Mutirão da Cidadania em Iranduba

Peritos realizam Mutirão da Cidadania em Iranduba

Mais de 500 pessoas foram beneficiadas com os serviços oferecidos na quarta edição do Mutirão da Cidadania dos Peritos Oficiais do Amazonas, que aconteceu no último sábado no município de Iranduba (a 41,7 quilômetros de Manaus). Pela primeira vez o evento foi realizado fora da capital amazonense.

Realizado pelo Sindicato dos Peritos Oficiais do Amazonas (Sinpoeam), o Mutirão da Cidadania tem o objetivo de ofertar diversos serviços gratuitos para a população por intermédio do trabalho voluntário de profissionais. Na edição deste sábado, que ocorreu na Escola Estadual Cecília Carneiro, os moradores do Iranduba puderam receber atendimento médico, odontológico e assessoria jurídica, além de realizar emissão de RG, exames laboratoriais e corte de cabelo.

“Nossa ideia é levar esses serviços para a população mais pobre, que muitas vezes fica desatendida. Tudo isso contando com o trabalho voluntário de peritos e de alguns amigos da perícia, que dedicam seu tempo para ajudar as pessoas”, disse o perito criminal Cícero Costa, um dos organizadores da ação. “A exemplo das outras, essa edição foi um sucesso, e a gente só tem a agradecer a população e a presença do vice-governador”, completou.

Atendimentos – Ao todo, quase 1000 atendimentos foram realizados durante o Mutirão da Cidadania em Iranduba. Foram 150 cortes de cabelo, 150 RGs emitidos, 200 exames laboratoriais, 200 atendimentos médicos, 200 atendimentos odontológicos, além de 20 atendimentos de assessoria jurídica e 50 atendimentos de farmácia. Todos os trabalhos foram realizados por peritos, profissionais voluntários de diversas áreas.

Uma das beneficiadas do Mutirão foi a dona de casa Belinda Macêdo Braga, que é moradora do Iranduba e participou da ação para se consultar com um clínico geral. “Gostei muito porque estava precisando ir ao médico, mas o hospital é um pouco distante da minha casa. Depois que ele me atendeu, peguei os remédios de graça aqui mesmo, e estou indo pra casa feliz”, contou Belinda, que disse esperar por outras ações como essa no Iranduba.

Compartilhar