Cabo Maciel se reúne com Wilson Lima na semana que vem para tratar da data-base e auxílio-fardamento da PM e CBM

Cabo Maciel se reúne com Wilson Lima na semana que vem para tratar da data-base e auxílio-fardamento da PM e CBM

O presidente da Comissão Permanente de Segurança Púbica da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), o deputado Cabo Maciel (PR) informou que manteve contato via telefone celular, nesta quinta-feira (14), com o governador Wilson Lima (PSC) e marcou reunião para a próxima semana para tratar do pagamento da data-base, prevista para o dia 10 de abril, e o auxílio-fardamento da Polícia Militar, e Corpo de Bombeiros.

De acordo com o parlamentar, que está em Brasília (DF) desde segunda-feira (11) cumprindo agenda de compromissos da Comissão de Segurança Púbica com a bancada amazonense na Câmara e no Senado Federal, o governador do Estado tem demonstrado todo o interesse em cumprir a data-base, auxílio-fardamento da tropa, porte de arma na carteira, dentre outros itens da pauta, que sentará com as representações para ajustar essas demandas.

“Mantive contato por telefone pela manhã com o governador Wilson Lima e vou agendar uma reunião com os comandos-gerais da PM e dos Bombeiros, as associações representativas, além de representantes do Governo do Estado, para definir todas as questões relacionadas a estes benefícios dos policiais e bombeiros militares. Mesmo em Brasília eu estou acompanhando tudo e vamos manter a tranquilidade”, afirmou o deputado, que retorna à Manaus sábado (16).

Porte de arma – O deputado do PR lembrou que, na última quinta-feira (07) reuniu com o secretário-chefe da Casa Civil, Leandro Benevides e o comandante-geral da PM, coronel Ayrton Norte, onde ficou acertada a elaboração da minuta que garante o registro do porte de arma na Carteira Funcional do policial militar e o modelo do documento, conforma o Decreto-Lei nº 131/2011, para publicação no Diário Oficial do Estado (DOE) ainda neste mês de março.

Cabo Maciel lembrou, também, que no encontro ficou definida a apresentação do impacto financeiro do pagamento da data-base e do auxílio-fardamento por parte do Comando-Geral da PM. Segundo o deputado republicano, existe o entendimento do Governo do Estado que os benefícios podem ser cumpridos sem comprometer o orçamento geral. “Estamos firme nessa missão e não vamos arredar o pé”, afirmou o deputado, que é vice-líder do Governo na Aleam.

 

Texto: Assessoria do Deputado

Compartilhar